LOGO PORT1 LOGO ENGLISH32px LOGO ESP1

Amapá: Estudantes do Ifap vencem 1º Hackathon estadual

Os vencedores do 1º Hackathon, evento promovido nos dias 28 a 30 de maio pelo Centro de Gestão de Tecnologia da Informação (Prodap) do Governo do Estado do Amapá, são acadêmicos do 6º semestre do curso de Licenciatura em Informática do campus Macapá do Instituto Federal do Amapá (Ifap). A equipe formada pelos estudantes Jamilli Doumany, Gabriel Silva e Welson Rabelo desenvolveram o protótipo “Agenda Saúde Amapá”, cujo objetivo foi criar um sistema de marcação de consulta online que pretende desafogar as filas dos Hospitais Emergenciais (HE's) e melhorar o fluxo de atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA's), nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e no Hospital de Clínicas Alberto Lima (Hcal) em Macapá.

“Como a proposta do evento foi criar solução para uma problemática dentro da gestão pública e já foi constatado que cerca de 80% dos atendimentos que acontecem no HE's poderiam ser resolvidos em UPA's ou UBS, criamos este sistema para que houvesse a redução de filas nos Hospitais Emergenciais”, disse Welson Rabelo. “Assim, as unidades periféricas como as UPA's e UBS poderiam fazer este atendimento emergencial e, em seguida, realizar o agendamento com o médico especialista através do sistema. Isso diminuiria o fluxo de pessoas nos HE's, melhoraria o fluxo de marcação no Hospital de Clínicas Alberto Lima (Hcal) e diminuiria o tempo de espera para uma consulta”, contou Gabriel Silva.

A ideia dos acadêmicos também inclui a desoneração do poder público e a promoção de uma mudança de cultura nesta área. “Propomos quebrar o paradigma enraizado na nossa cultura que é a dos usuários do sistema público de saúde procurarem os HE's para fazer qualquer tipo de procedimento médico ou mesmo o encaminhamento ao especialista. É importante lembrar que as UPA's e UBS possuem tanta eficiência quanto HE's, porque também são locais com médicos e medicamentos. Além disso, a cada consulta marcada e não realizada, há o custo para o poder público. Geralmente, como a marcação de consulta demora muitos meses, o paciente acaba não indo ou consegue melhorar do problema antes de ser consultado. Então este sistema poderia ajudar na desmarcação da consulta também”, concluiu Jamilli Doumany.

1º Hackathon – O evento reuniu estudantes da área de Tecnologia da Informação das redes pública e privada do estado com o objetivo de criar, em três dias, protótipos que pudessem ser desenvolvidos para ajudar o Governo do Amapá a solucionar dificuldades na área da tecnologia e gestão. No total, 33 pessoas divididas em 11 equipes participaram. Os estudantes do Ifap ganharam como premiação quatro meses de estágio remunerado no Prodap, prorrogável por até um ano, no valor R$ 550, através do CIEE. A equipe foi inscrita pelo professor e coordenador do curso de Licenciatura em Informática do campus Macapá Thiêgo Nunes.

 

Fotos: Prodap/Divulgação

Fonte: Seção de Gerenciamento da Comunicação Social do campus Macapá

SCS, quadra 2, bloco D, Edifício Oscar Niemeyer, térreo, lojas 2 e 3. CEP: 70316-900. Brasília – DF
    (61) 3966-7201
   conif@conif.org.br