Pleno do Conif recebe novo secretário da Setec na primeira reunião de 2023

O novo secretário da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (Setec/MEC), Getúlio Marques Ferreira, participou da primeira reunião de 2023 do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif). A 118ª Reunião Ordinária do colegiado ocorre nos dias 25 e 26 de janeiro, em Brasília.


Durante o encontro, os dirigentes da Rede Federal elencaram um conjunto de pautas importantes para as instituições. Os pleitos foram divididos em três grupos, sendo eles Orçamento, Gestão de Pessoas e Desenvolvimento da Rede Federal. “O aparato de conhecimento e pessoas está à disposição da Setec para buscar saídas e soluções junto ao MEC para debater os temas importantes das instituições”, frisou o presidente do Conif, Claudio Alex Jorge da Rocha, durante a reunião.


Em sua fala, Claudio Alex, que também é reitor do Instituto Federal do Pará (IFPA), cobrou empenho da Setec no provimento de redistribuição do orçamento de 2023. “É louvável a disposição para o diálogo dessa gestão, mas, precisamos falar sobre os recursos das nossas instituições, que na LOA [Lei Orçamentária Anual] chegou a ser 11% menor que o registrado na PLOA [Projeto Lei Orçamentária Anual]. É preciso refazer a distribuição para recompor o orçamento”, disse.  


A reposição recurso de investimento; a atualização do Banco de Servidores; a redistribuição de servidores; o redimensionamento da Rede Federal; e o ensino híbrido foram algumas outras demandas apresentadas pelo colegiado ao secretário e sua equipe. “Não vamos fazer nada sem contar com o Conif. Esse é um compromisso nosso.  Podemos trabalhar junto as câmaras do Conselho, em grupos de trabalho, para que possamos chegar resultados positivos”, afirmou Getúlio Marques. O Pleno do Conif e a equipe da Setec devem voltar a dialogar em breve sobre os tópicos encaminhados pelos conselheiros a equipe do Ministério.


Assessoria de Comunicação do Conif


Compartilhe esta notícia

mais notícias