Internacionalização

O intercâmbio de conhecimentos para o fortalecimento da educação profissional brasileira intensificou o processo de internacionalização da Rede Federal. Hoje, os 38 Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, os dois Centros Federais de Educação Tecnológica (Cefets) e o Colégio Pedro II adotam como estratégia a atuação integrada para garantir benefício e crescimento mútuos.

 

No Conif, a internacionalização é compreendida como uma ferramenta de desenvolvimento institucional e de pessoas e um importante mecanismo para incremento da qualidade da educação. É um processo abrangente e contínuo que envolve a cooperação técnica, o aperfeiçoamento da gestão, o estudo de idiomas, bem como a preparação de estudantes e servidores para atuar em cenários multiculturais e inserir-se em uma dinâmica mundial baseada no conhecimento. Além disso, incentiva a difusão das culturas e a prática da solidariedade entre os povos.

 

Acompanhamos o entendimento da Conferência Regional de Educação Superior para América Latina e Caribe (CRES) que aponta a internacionalização como uma “ferramenta chave para a formação de cidadãos e profissionais, respeitosos da diversidade cultural, comprometidos com a cultura da paz e com a capacidade para conviver e trabalhar em comunidade local e mundial”. 


Declaração III Conferência Regional de Educação Superior para América Latina e Caribe:

 
Services

Dentre as áreas estratégicas para a internacionalização, destacamos:

Promover a sensibilização institucional para desenvolver a cultura para a internacionalização
 
Internacionalização como ação transversal ao ensino, pesquisa e extensão
 
Atuação no âmbito de redes, fóruns e associações nacionais e internacionais
Fortalecimento do intercâmbio de conhecimentos, da mobilidade acadêmica e dos estágios profissionais

Fortalecimento da cooperação técnica e acadêmica Sul-Sul
 
 
Implementação da Agenda de Desenvolvimento Sustentável
 

Fortalecimento do ensino de idiomas
 
Formação de servidores e gestores – integralidade e multiculturalidade

Com o suporte técnico de uma assessoria especializada,  e com o apoio dos Fóruns (link para a aba de fóruns), o Conif periodicamente define as prioridades das ações de Relações Internacionais; prospecta e articula iniciativas com parceiros nacionais e internacionais; propõe iniciativas voltadas ao incremento do processo de internacionalização da Rede; viabiliza às instituições oportunidades de formação e capacitação a partir de parcerias com outros países; promove a divulgação da Rede a potenciais parceiros e apoia a organização de eventos de caráter internacional. 

 

Panorama da Internacionalização

Faça o download do Panorama da Internacionalização - edição 2019

Em 2019 o Conif, em parceria com o Fórum de Assessores de Relações Internacionais do Conif, aplicou um formulário para sistematização de informações acerca do processo de internacionalização da Rede. Acesse ao lado. 

Projetos

A série “Acontece na Rede” disponibiliza às instituições da Rede Federal,  a possibilidade de compartilhamento de boas práticas no tocante à internacionalização. As instituições interessadas em apresentar suas boas práticas deverão enviar formulário no ícone abaixo.

 
Programas de Formação Colaborativos Virtuais

Os professores brasileiros interessados em desenvolver cursos/disciplinas colaborativas deverão contatar as assessorias internacionais de suas instituições. Os professores estrangeiros que tenham interesse no Programa poderão preencher o formulário pelo ícone abaixo.

A série “Diálogos Conif” busca facilitar a aproximação e fortalecer laços de cooperação entre as instituições da Rede Federal e parceiros de outros países, por meio da interlocução de gestores, docentes e pesquisadores do Brasil com seus pares da comunidade internacional.




Português em Rede

A iniciativa tem por objetivos a promoção da língua portuguesa e o fortalecimento estratégico da posição da Rede Federal junto a parceiros internacionais e nacionais. O Programa contará com duas linhas de ação: a oferta de cursos de Português como Língua Adicional e cursos de  Português como Língua de Acolhimento (PLA).

A ação é liderada pelo Fórum de Assessores de Relações Internacionais do Conif.

PLA em Rede é um curso online de 250 horas, oferecido por meio de um Ambiente Virtual de Aprendizado (AVA) e dividido em 18 lições, sendo aberta uma nova lição a cada semana.

CENTRO UNEVOC

O Centro Internacional para a Educação Profissional e Tecnológica (Unevoc) é um dos sete institutos da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e atua para o desenvolvimento da educação técnica e profissional. Além das conferências gerais, que reúnem países de todo o mundo, o Unevoc promove encontros regionais para discussão de desafios comuns, compartilhamento de boas práticas e proposição de iniciativas para o fortalecimento da educação técnica e profissional.

 

O Centro Internacional para a Educação Profissional e Tecnológica (Unevoc) é um dos sete institutos da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e atua para o desenvolvimento da educação técnica e profissional. Além das conferências gerais, que reúnem países de todo o mundo, o Unevoc promove encontros regionais para discussão de desafios comuns, compartilhamento de boas práticas e proposição de iniciativas para o fortalecimento da educação técnica e profissional.

A parceria com o Unevoc converge com as principais diretrizes do Conif para a internacionalização, incluindo a promoção da integração regional, a utilização da cooperação internacional como instrumento para o incremento de políticas públicas de Educação Profissional e a disseminação de experiências exitosas a partir de ações multilaterais.

Sendo representante de uma Rede tão grande e diversa, o Conif atua para contribuir com o Unevoc nos seguintes aspectos:

  • compartilhamento de experiências;
  • realização de Fóruns (virtuais e presenciais) que promovam a interação entre os coordenadores das cinco regiões, notadamente da sub-região América Latina e Caribe;
  • sistematização de dados referentes à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica;
  • interlocução com representantes de instituições internacionais e instituições brasileiras;
  • promoção das atividades do Unevoc.

Clique aqui para acessar a página do Unevoc.

MEMBRO WFCP

Diante do novo contexto da educação pública brasileira e com a acentuação dos processos de globalização e integração regional, o Conif assumiu uma posição de destaque no cenário internacional da formação profissional e tecnológica como membro da Federação Mundial de Colleges e Politécnicos (WFCP, na sigla em inglês). O Conselho ocupa uma cadeira no board da WFCP. Ao lado instituições de diversos países, o Conif desenvolve ações que evidenciam o Brasil, bem como atua na posição estratégica de interlocutor para a captação de novos membros no eixo latino-americano.

Sobre a WFCP

A Federação Mundial de Colleges e Politécnicos é uma rede internacional de instituições profissionais e associações nacionais e regionais, por meio da qual atualmente 38 países-membros compartilham estratégias de educação de ponta e boas práticas para ampliar a empregabilidade. Evidenciando a economia global e o aperfeiçoamento da força de trabalho, a WFCP é uma voz unificada que permite aos seus membros:

  • Promover contribuições para as suas comunidades;
  • Influenciar coletivamente o desenvolvimento de políticas;
  • Compartilhar boas práticas;
  • Promover parcerias para melhorar a mobilidade e intercâmbio;
  • Desenvolver parcerias para a consolidação de acordos internacionais;
  • Organizar congressos mundiais para permitir o intercâmbio de conhecimento.

 

GRUPO DE AFINIDADES (dar destaque nesse espaço com uma faixa)

A cada dois anos a Federação realiza um congresso mundial, com vistas ao intercâmbio de conhecimento, ao fortalecimento das parcerias, bem como à proposição de alternativas aos desafios comuns no tocante à educação profissional e tecnológica.

Ao fim de cada congresso, os países representados na WFCP aderem a uma lista de compromissos, sendo o Conif signatário desde 2014. 

 

As declarações podem ser acessadas aqui:

Declaração de Beijing – 2014

Declaração de Vitória – 2016

Declaração de Melbourne - 2018

Guia de Boas Práticas em Educação Profissional e Tecnológica

Eventos Passados