Selecionados para o Programa de Assistentes de Português chegam à Espanha em outubro

Teve início em outubro as atividades do programa de Assistentes de Português na Espanha, em solo espanhol. Os estudantes e servidores da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica selecionados embarcaram rumo ao país europeu no sábado (1º/10). As atividades serão implementadas até 31 de maio de 2023.


O Programa tem o objetivo de aperfeiçoar proficiência em português e em espanhol de todos os envolvidos, além de trabalhar competências em aspectos socioculturais, literatura, história e geografia dos dois países.


No Brasil, o programa é liderado pelo Escritório de Educação da Embaixada da Espanha e tem o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) como parceiro. “Além de reforçar a presença do Conif na Iberoamérica, o programa impulsiona a divulgação da língua portuguesa. Os estudantes embarcam com o entendimento de que estão representando toda a Rede e que atuarão como catalisadores de novas oportunidades de cooperação”, destaca Ana Carolina Oliveira, assessora de Relações Internacionais do Conif. 


Para preparar os estudantes contemplados pelo programa, foi estruturado um curso de três módulos. As atividades foram coordenadas  por docentes do Instituto Federal Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG), do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) e por representante da Embaixada espanhola. “Pretendemos oportunizar discussões teóricas e compartilhar experiências que possam auxiliar esses estudantes” que cumprirão atividades na Espanha, explica Mariana Bessa, professora do IF Sudeste MG e responsável pela formatação do módulo I do curso.


Para Daniel Oliveira, que também é professor do IF Sudeste MG, o curso de formação continuada para assistentes brasileiros de português como língua adicional (PLA) na Espanha “tende a fortalecer a oferta de português para estrangeiros no Brasil e a projeção internacional da Rede Federal na medida em que contribui para a profissionalização do campo de PLA nas comunidades acadêmicas de origem e dissemina conhecimento linguístico e cultural qualificados em instituições anfitriãs espanholas”.


O grupo de Assistentes será distribuído em centros do Ensino Secundário de várias Comunidades Autônomas na Espanha para auxiliarem no ensino de Português como Língua Estrangeira (PLE) no Ensino Secundário, ou em Escolas Oficiais de Idiomas.


Seleção


Para participar do programa, os candidatos precisavam comprovar que o domínio do espanhol no nível B1 de acordo com o Quadro Comum Europeu de Referência. Poderão se candidatar servidores e estudantes, graduados ou graduandos em Licenciatura em Letras, Letras-Português, Letras - Português/Espanhol ou Letras - Espanhol da Rede Federal. As regras para a seleção foram estabelecidas pelo Edital CONIF/AI nº 03, de 7 de março de 2022.


Treinamento


Antes de embarcar para a Espanha, o grupo selecionado para o programa participou, de 12 a 23 de setembro, de uma formação, que foi estruturada em três módulos: Ser docente de português na Espanha: uma introdução à formação; Protocolo de mobilidade; e Aspectos culturais. As atividades foram coordenadas por docentes da Rede Federal e representantes da Embaixada espanhola.


Assessoria de Comunicação do Conif

Compartilhe esta notícia

mais notícias

Post Tags

relacionado