PARCERIAS CONIF

AFS Intercultura Brasil

O objetivo da parceria é fortalecer a cooperação entre as instituições nas áreas de ensino, pesquisa e extensão, a partir da oferta de aprendizado intercultural, por meio de programas de intercâmbio. A organização atua de forma voluntária, não-governamental e sem fins lucrativos e é vinculada à AFS Intercultural Programs. A instituição foi fundada em 1915, está presente em mais de 50 países e sua sede fica localizada em Nova Iorque.

 

Agência Brasileira de Cooperação (ABC)

A Agência Brasileira de Cooperação integra a estrutura do Ministério das Relações Exteriores (MRE) e tem como atribuições negociar, coordenar, implementar e acompanhar programas e projetos brasileiros de cooperação técnica, executados com base nos acordos firmados pelo Brasil com outros países e organismos internacionais. 

Uma das principais ações de cooperação que foram implementadas tiveram o objetivo de promover o desenvolvimento econômico e social dos seus povos e a difusão da língua portuguesa junto a países africanos, como o realizado em Moçambique. 

Anprotec

A parceria com a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) resultou no Programa de Incubação cruzada da Rede Federal, lançado em 2020. A iniciativa tem o intuito de cruzar start-ups com oportunidades de novas parcerias entre os ecossistemas da Rede. Criada em 1987, a Anprotec reúne cerca de 300 associados, entre incubadoras de empresas, parques tecnológicos, aceleradoras, coworkings, instituições de ensino e pesquisa, órgãos públicos e outras entidades ligadas ao empreendedorismo e à inovação. A Associação atua por meio da promoção de atividades de capacitação, articulação de políticas públicas e geração e disseminação de conhecimentos.

 

Associação Colombina de Instituições de Educação Superior com Formação Técnico-Profissional, Tecnológica ou Universitária (Aciet)

O Conif e a Aciet firmaram um Protocolo de Intenções com o objetivo de facilitar a aproximação das instituições associadas a elas. A proposta é ampliar as oportunidades de cooperação internacional entre Brasil e Colômbia a respeito de projetos de intercâmbio acadêmico, cultural e tecnológico de alunos, professores, gestores e técnicos. Com 48 anos de existência, a instituição colombiana reúne 59 instituições de ensino superior públicas e privadas e trabalha em prol do fortalecimento da educação técnica-profissional, tecnológica e universitária da Colômbia.

Brazilian Student Association (Brasa)

A Brasa tem oferecido aos estudantes da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica programa de mentoria para quem deseja cursar graduação ou pós-graduação em universidades do exterior. A Brasa é uma das principais associações de estudantes brasileiros intercambistas e está presente em 90 universidades na América do Norte, Ásia e Europa. Desde o início do programa, em 2015, mais de 540 pares de mentoria já foram formados. Por ser uma organização sem fins lucrativos, a Brasa não comercializa seus serviços ou produtos.

 

Campus Party

O documento acordado entre o Conif e o Instituto Campus Party encurta encurtar a ponte entre as instituições, docentes e estudantes com o evento Campus Party propriamente dito, e também com diversas ações voltadas para o fomento e disseminação de tecnologias avançadas e o empoderamento de jovens talentos. O instrumento viabilizará ainda a participação de estudantes das unidades naquele que é considerado, hoje, o maior evento de tecnologia no mundo.

CCISP - Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos – Portugal

A parceria entre os dois Conselhos tem oportunizado a mobilidade de professores e estudante da Rede Federal nos últimos anos. O CCISP é o órgão de representação conjunta dos estabelecimentos públicos de ensino superior politécnico português. Fazem parte do colegiado todos os institutos superiores politécnicos públicos, inúmeras outras instituições e as universidades portuguesas dos Açores, Algarve, Aveiro, Évora e Madeira. A principal competência do Conselho é a emissão de pareceres e posições sobre matérias relacionadas com o ensino superior.

 

Cisco

A parceria foi lançada em março de 2021 e deverá resultar na ampliação do programa Cisco Networking Academy nas instituições da Rede Federal. A proposta visa contribuir para a inclusão social e melhoria da empregabilidade no Brasil com a qualificação de mão-de-obra especializada para o mercado de tecnologia da informação. Nos próximos cinco anos, as instituições ligadas ao Conif irão utilizar sua capilaridade para ofertar capacitação profissionalizante em tecnologia à estudantes e comunidades pelo país.

Colleges and Institutes Canadá - CICan

O Colleges and Institutes Canada (CICan, na sigla em inglês) é um dos parceiros mais sólidos do Conif. Além de apoiar a mobilidade de docentes e estudantes, a instituição contribuiu com a elaboração do Programa Mulheres Mil. O trabalho entre o Conif e o CICan tem como foco o desenvolvimento de parcerias com países que sejam referência em Educação Profissional e Tecnológica, a partir de princípios similares aos brasileiros e baseando-se em uma cooperação horizontal.

 

Dharma

A parceria do Conselho com a Dharma Political Risk and Strategy tem o intuito de melhorar e ampliar as análises e estratégias em inteligência política na esfera da Rede Federal. Com a parceria, as instituições ligadas ao Conif têm usufruído de boletins e análises políticas. A Dharma é um hub de informação e de inteligência política. Sua plataforma de negócios está dividida em três vertentes: Capacitação, Dharma Alert e Dharma DataBase.

Embaixada da Espanha

O Memorando de Entendimento (MoU) firmado com a embaixada da Espanha no Brasil prevê a oferta de cursos de formação continuada para professores de espanhol da Rede Federal e promoção de atividades acadêmicas e culturais. As ações são desenvolvidas por meio do Ministério da Educação e Formação Profissional do país estrangeiro. O documento assinado insere-se num amplo trabalho do Conif, que enxerga a internacionalização como uma ferramenta para a consolidação do colegiado e da Rede Federal em termos institucionais, de parcerias e no que diz respeito ao desenvolvimento da educação profissional no mundo e à formação dos cidadãos globais.

 

Embaixada dos Estados Unidos (EUA)

A parceria tem ampliado o alcance dos programas da Embaixada e dos Consulados dos Estados Unidos no Brasil e contemplado servidores e estudantes com oportunidades de intercâmbio, de formação em áreas como liderança, empreendedorismo e inovação e do ensino de Inglês. A embaixada também tem prestado outros serviços nas áreas política, econômica, científica, cultural e educacional.

Embaixada da França

A Rede Federal e a representação da França mantêm uma exitosa ação de cooperação, o Programa de Leitores Franceses. Estabelecida em 2011, a iniciativa promove o ensino do idioma francês, o intercâmbio cultural e a troca de conhecimentos e de experiências para a consolidação de uma rede franco-brasileira de Educação Profissional, além de promover a internacionalização das instituições. O Conif e a Embaixada da França, no Brasil, estudam ampliar suas parcerias.

 

Embaixada de Moçambique

A cooperação CONIF-Moçambique  promoveu a formação professores moçambicanos  com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade da educação profissional de Moçambique e, especificamente, ampliar as competências técnicas do quadro de formadores das instituições de ensino profissional e tecnológico na área de ciências agrárias. Atualmente está em fase de negociação a estruturação de um Centro de Inovação do Algodão de Moçambique. A Agência Brasileira de Cooperação coordena as iniciativas que já envolveram 20 instituições da Rede Federal.

Embaixada do Reino Unido

Essa parceria tem por objetivo estreitar os laços políticos, econômicos, culturais e educacionais entre as sociedades britânica e brasileira. A colaboração com o Conif se dá, principalmente, no âmbito do Programa Skills for Prosperity, uma ampla iniciativa do governo do Reino Unido que está sendo reestruturado e visa promover o desenvolvimento socioeconômico por meio de oportunidades educacionais, principalmente na educação profissional e tecnológica, bem como na difusão e qualificação do ensino de inglês.

 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa)

O acordo de cooperação com a Embrapa tem o intuito de democratizar e ampliar o acesso de estudantes e produtores rurais a pesquisas, publicações e tecnologias. Além do acesso às plataformas de conhecimento da Embrapa, os estudantes e professores da Rede Federal também podem conhecer e estudar quase 200 espécies vegetais que foram melhoradas geneticamente. Com materiais disponibilizados pela Empresa, a parceria prevê ainda a instalação de dez Unidades de Referência Tecnológica nas instituições associadas ao Conif. Os espaços serão espalhados pelo País e vão atender diferentes institutos federais.

Espacio Enlaces

Espaço Latino-americano e Caribenho de Educação Superior (Enlaces) se constituí em um agrupamento internacional de educação superior relevante do ponto de vista de integração regional. Ao aderir ao Enlaces, o Conif de aproximou das ações para o desenvolvimento da educação e das instituições, além de fortalecer a voz da Rede Federal nos debates referentes aos desafios nacionais e mundiais. O Enlaces atua de forma política para a garantia da autonomia universitária e em defesa da educação pública, gratuita e que cumpra seu papel social.

 

Fundação Areandina – Colômbia

No primeiro semestre de 2020, o Conif liderou uma missão de prospecção à Colômbia, ocasião em que se aproximou da instituição sediada em Bogotá. A Areandina é formada por 7 faculdades que possuem 85 programas acadêmicos de graduação e pós-graduação, distribuídos em três campi, incluindo formação profissional, técnica, tecnológica, especialização e mestrado, em diversas áreas. Atende estudantes dos extratos mais baixos da população. A instituição possui atuação destacada no ensino à distância e possui um programa bem estruturado de intercâmbio. 

Huawei

O Acordo de Cooperação para o desenvolvimento de talentos para a Tecnologias da informação e comunicação (TIC) foi lançado em abril de 2021. A novidade deverá beneficiar servidores e estudantes de todo o país. Entre as vantagens da parceria estão a certificação de professores e alunos, o acesso ilimitado da rede a plataformas de aprendizagem e o acesso a Huawei ICT Competition, uma disputa internacional para estudantes do mundo todo que estão nas unidades ICT Academy da Huawei e em instituições de ensino superior, e que desejam ingressar no programa Huawei ICT Academy.

 

Instituto Tecnológico de Antioquia - Colômbia (TdeA)

A instituição de ensino superior está localizada na Colômbia, na região de Antioquia (o equivalente a um estado brasileiro). Dentre seus diferenciais, o TdeA destaca-se por oferecer cursos de graduação, tecnológicos e de pós-graduação, para estudantes de baixa renda do país. Atualmente, o corpo discente institucional alcança 11.5 mil alunos.  Durante missão à Colômbia, em fevereiro de 2020, representantes do Conif e do Tecnológico de Antioquia – Institucíon Universitária se reuniram para discutir possibilidades de cooperação em diversas áreas. A parceria resultou em cursos conjuntos da qual participaram docentes de diversas instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica.

Organização dos Estados Ibero-americanos – OEI

A OEI é um organismo internacional de caráter governamental para a cooperação entre os países ibero-americanos. Seu campo de atuação abrange a promoção da educação, ciência, tecnologia e cultura no contexto do desenvolvimento, da democracia e da integração regional. Em outubro de 2016, Conif e OEI assinaram protocolo de intenções com vistas à realização de cursos, conferências, encontros, palestras, seminários, intercâmbios acadêmicos e outros eventos que congreguem especialistas das diversas áreas do conhecimento.

 

Organização Universitária Interamericana – OUI

A OUI se constitui em uma organização dedicada ao setor de ensino superior das Américas e reúne líderes da região para estabelecer novos contatos e fortalecer a colaboração interinstitucional. Além disso, tem buscado ampliar a participação de instituições de ensino técnico e tecnológico, por meio de seu braço voltado para esse segmento, a EIESTEC. Sua atuação está organizada em ações de formação. A OUI tem participado ativamente de atividades de formação continuada de servidores e gestores da Rede, seja por meio de ações presenciais ou por meio de webinários.

Santander Universidades

Promover a cooperação técnico-científica e educacional é um dos escopos do Protocolo de Intenção assinado entre o Conif e o Santander Universidades. A parceria vai beneficiar estudantes da Rede Federal interessados em tecnologia e bolsas de estudos. De acordo com o documento, as instituições de ensino vinculadas ao Conselho deverão formalizar convênio específico com o Santander Universidades por meio de seus escritórios regionais. 

Serviço Espanhol para a Internacionalização da Educação (SEPIE)

O Serviço Espanhol para Internacionalização da Educação (SEPIE) é um órgão ligado ao Ministério da Ciência, Inovação e Universidades do Governo da Espanha

A parceria CONIF-CCISP tem por finalidade a promoção de vínculo entre instituições brasileiras e espanholas a fim de facilitar o desenvolvimento de projetos conjuntos, a mobilidade e a formação acadêmica, cultural e tecnológica de estudante e servidores.

UNESCO-UNEVOC

O Centro Internacional UNESCO-UNEVOC de Educação e Treinamento Técnico e Profissional é um dos sete institutos e centros da UNESCO. No Brasil, o Conif é um centro Unevoc desde 2016 e o status que tem possibilitado a participação ativa da Rede Federal em relevantes debates mundiais na área educacional. Essa parceria tem incentivado ações que promovam resultados relevantes para o aumento da qualidade da educação profissional em todo o mundo.

WFCP

A Federação Mundial de Colleges e Politécnicos é uma rede internacional de instituições profissionais e associações nacionais e regionais, por meio da qual atualmente 38 países-membros compartilham estratégias de educação de ponta e boas práticas para ampliar a empregabilidade. A instituição foi criada em 1998 e trata-se de uma rede internacional de líderes da educação, representantes de colleges, institutos, universidades e politécnicos. O Conif integra a WFCP desde 2014 e, atualmente, compõe a mesa diretora da organização, onde é representado pelo vice-presidente de Relações Institucionais do Conselho, o professor Jefferson Manhães de Azevedo.