Microsoft e WOMCY oferecem curso e certificação gratuitos em cibersegurança

A Microsoft, em parceria com a WOMCY, Latam Women in Cybersecurity lança o programa “WOMCY – Microsoft Cybersecurity Education & Certification Program”, que irá oferecer treinamento e certificação gratuitos em SC-900: Microsoft Security, Compliance, e Identity Fundamentals. Além de combater o gap de mão de obra qualificada no setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), o projeto tem como objetivo ampliar a diversidade na área de cibersegurança, por isso é destinado exclusivamente para as minorias no mercado de tecnologia, em especial  mulheres. O curso também visa formar pessoas negras, LGBTQIA+, PCD e acima de 50 anos, grupos subrepresentados no mercado de TI.


Esta iniciativa em parceria com a WOMCY, faz parte de uma campanha global da Microsoft para desenvolvimento de habilidades em cibersegurança, anunciada em outubro de 2021. Em março desse ano, essa campanha foi expandida para mais 23 países, incluindo o Brasil. Até 2025 teremos 3,5 milhões vagas de emprego na área de segurança cibernética abertas globalmente, representando um aumento de 350% em um período de oito anos.  A força de trabalho global de cibersegurança é lamentavelmente carente de diversidade. Nos países em que a Microsoft expandiu a campanha, como é o caso do Brasil, em média, apenas 17% da força de trabalho de cibersegurança são mulheres.


“Deixar as mulheres fora da força de trabalho de segurança cibernética significa deixar de lado talentos importantes e só prejudica nossa capacidade de preencher a lacuna de habilidades. Não se trata apenas de igualdade, há um caso de negócios também: empresas de gênero diverso têm melhor desempenho.   Sabemos que os índices de participação das minorias não vão ser alterados do dia para a noite, mas acreditamos no poder da intencionalidade para que a mudança realmente aconteça. Esta parceria com WOMCY está em linha com a nossa missão de empoderar cada pessoa e cada organização do planeta a conquistar mais e é mais uma das inúmeras iniciativas que desenvolvemos em prol da diversidade e inclusão e da capacitação profissional dos brasileiros, visando colaborar para o crescimento econômico sustentável do nosso Pais”, disse Lucia Rodrigues, líder de Filantropia da Microsoft Brasil.


“WOMCY – Microsoft Cybersecurity Education & Certification Program” irá abordar os fundamentos de SCI (segurança, conformidade e identidade) em serviços Microsoft relacionados e baseados em nuvem. Os participantes também poderão aplicar para certificação SC900: Microsoft Security, Compliance, and Identity Fundamentals. O curso e a certificação serão online e gratuitos, com sessões noturnas e aos sábados. Aos alunos também serão oferecidas sessões de mentoria para desenvolvimento de soft skills, palestras para elaboração de curriculum, perfil no LinkedIn e preparação para entrevistas de trabalho.


“Nós da WOMCY, Latam Women in Cybersecurity, nos sentimos honradas com a confiança depositada pela Microsoft em nosso trabalho. Poder comandar um programa que nos permitirá alcançar um target de 1500 mulheres, negros, pessoas LGBTQIA+, maiores de 50 anos e PCDs nos eleva a um patamar de fomentadoras de diversidade, muito além de nossa missão tão importante com as mulheres de nosso segmento. Queremos acolher todas estas pessoas com treinamento e certificação em conceitos de segurança, compliance e gestão de identidades, mas também queremos poder proporcionar sessões de mentoria de carreira e técnicas. Acima de qualquer outro objetivo, esperamos que este programa contribua com a sociedade, proporcionando oportunidades de carreira aos participantes, além de minimizar o gap de força de trabalho que vivenciamos em nosso setor”, disse Andréa Thomé, líder WOMCY Brasil.


“O programa “WOMCY – Microsoft Cybersecurity Education & Certification Program” vai viabilizar treinamento e certificação gratuitos em cibersegurança e ao mesmo tempo promover a diversidade. É uma grande oportunidade para o desenvolvimento profissional de pessoas que estão em início de carreira ou mesmo já atuam na área de TI e querem se aperfeiçoar em cibersegurança. Focado nos fundamentos de segurança, conformidade e identidade em serviços Microsoft de nuvem, o programa vai contar com aulas virtuais com instrutores, material Microsoft de autoestudo em português e sessões de Plantão de Dúvidas, além de palestras técnicas e sessões para desenvolvimento de soft skills, tudo para que os alunos possam estar super bem preparados para a certificação e para o mercado de trabalho, hoje tão carente de profissionais da área”, disse Denise Menoncello, vice-líder WOMCY Brasil e Gerente do Projeto.


O programa de treinamento foi desenhado para profissionais de cibersegurança e TI, com pouca ou muita experiência no setor e que tenham interesse em se desenvolver nas funcionalidades e conceitos de segurança, conformidade e identidade da Microsoft. Os interessados deverão preencher o formulário de inscrições https://womcy.org/womcy-microsoft-cybersecurity-education-certification-program/  entre os meses de julho e agosto. As aulas serão à noite e aos sábados, de setembro de 2022 a fevereiro de 2023. O período de certificação será de março a junho de 2023.

 

Sobre a WOMCY


A WOMCY é uma organização sem fins lucrativos, composta por mulheres, com foco no desenvolvimento de cibersegurança na América Latina. Trabalhamos para minimizar a brecha de conhecimento e aumentar as oportunidades para mulheres na indústria de segurança cibernética.


Sobre a Microsoft


A Microsoft (Nasdaq “MSFT” @microsoft) habilita a transformação digital na era da nuvem inteligente e da fronteira inteligente. A missão da Microsoft é empoderar cada pessoa e cada organização no planeta a conquistar mais. A empresa está no Brasil há 33 anos e é uma das 122 subsidiárias da Microsoft Corporation, fundada em 1975. De julho de 2021 a junho de 2022, a empresa investiu mais de US$ 15 milhões em doações e descontos para entidades sem fins lucrativos, impactando mais de 2 mil instituições com doação de software, descontos para compra e apoio a projetos de capacitação. Com o lançamento do Microsoft For Startups Founders Hub, 443 novas startups foram aprovadas, totalizando 703 startups apoiadas, que juntas já consumiram USD 11,898,488.00 de créditos em nuvem Azure.



Fonte: Microsoft


Compartilhe esta notícia

mais notícias

Post Tags

relacionado